Autora: Jamie McGuire
Editora: Verus
Páginas: 389 
Sinopse: Abby Abernathy é uma boa garota. Ela não bebe nem fala palavrão, e tem a quantidade apropriada de cardigãs no guarda-roupa. Abby acredita que seu passado sombrio está bem distante, mas, quando se muda para uma nova cidade com America, sua melhor amiga, para cursar a faculdade, seu recomeço é rapidamente ameaçado pelo bad boy da universidade. Travis Maddox, com seu abdômen definido e seus braços tatuados, é exatamente o que Abby precisa – e deseja – evitar. Ele passa as noites ganhando dinheiro em um clube da luta e os dias seduzindo as garotas da faculdade. Intrigado com a resistência de Abby ao seu charme, Travis a atrai com uma aposta. Se ele perder, terá que ficar sem sexo por um mês. Se ela perder, deverá morar no apartamento dele pelo mesmo período. Qualquer que seja o resultado da aposta, Travis nem imagina que finalmente encontrou uma adversária à altura. E é então que eles se envolvem em uma relação intensa e conturbada, que pode acabar levando-os à loucura.

Abby banca a garota certinha e tenta se manter longe de confusões para esconder o seu passado "sombrio". Entretanto, sua vida inteira toma um novo mundo quando ela conhece Travis "Cachorro Louco" Maddox em uma luta do circulo - uma luta que é divulgada apenas uma hora antes e que geralmente ocorre em porões antigos dos prédios da faculdade - ao conhecer Travis, mas relutar em se aproximar dele nem mesmo dizendo seu nome, ela recebe dele o apelido de "Beija-Flor", isso após ter o rosto sujo de sangue em um dos ataques de Travis contra seu adversário.
Aninhei o rosto em seu peito e ele me abraçou mais forte, soltando um suspiro.
— Você não precisa de nenhuma desculpa, Beija-Flor. Tudo que tem que fazer é me pedir.

Travis - pelo menos para mim - se apaixona por Abby no primeiro momento. Ele é o bad boy da faculdade, desejado por todas as garotas, mas tratado com indiferença por Abby, o que o deixa ainda mais interessado nela. Após muitas conversas e com Abby tendo provado seu total desprezo por Travis eles decidem ser amigos, e tudo vai muito bem, até que decidem fazer uma aposta. Caso Travis perca a próxima luta ele passará um mês sem sexo - e acreditem, para ele isso é muito sério - e se ele ganhasse Abby dormiria por um mês na casa dele... Na cama dele.
— Eu sei que a gente tem problemas, tá? Sou impulsivo, esquentado, e você me faz perder a cabeça como ninguém.
Num minuto você age como se me odiasse, e no seguinte como se precisasse de mim.
Eu nunca faço nada direito, eu não te mereço... mas, porra, Abby, eu te amo.
Eu te amo mais do que jamais amei alguém ou alguma coisa em toda a minha vida.
Quando você está por perto, não preciso de bebida, nem de dinheiro, nem de luta, nem de transas sem compromisso...
Eu só preciso de você. Eu só penso em você. Eu só sonho com você. Eu só quero você.
Quando finalmente sai o resultado da aposta, tudo começa a ganhar e perder sentido ao mesmo tempo e se transformar em um belo desastre. Abby foge de Travis de todas as maneiras possíveis, e tenta ter um relacionamento "normal" e mais aceitável pela sociedade com Parker - um garoto rico, com pais médicos e que vai para Harvad além, é claro de ser um inimigo declarado de  Travis, - mas o desejo entre os dois é irrefreável e os segredos de Abby passam a vir a tona transformando sua vida e afetando suas escolhas. Ela tenta manter Travis o mais longe possível de submundo do qual ela veio, mentindo ou contando meias-verdades para ele, mas ela não pode controlar tudo
— Acabou. Vai pra casa.
Ele juntou as sobrancelhas.
— Você é a minha casa.
Entre brigas, retornos e noites de amor Abby descobre que é única pela qual Travis "Cachorro Louco" Maddox já se apaixonou e a única que pode salvá-lo de sí mesmo, mas se pergunta se está pronta para isso e se realmente merece o amor de Travis.

Ele se inclinou mais próximo de mim e sussurrou ao meu ouvido:— Não quero transar com você, Flor. Gosto demais de você para isso.
Quando comecei a ler o livro não esperava tanto, apesar de ter me apaixonado completamente pela capa - achei mágica, original e poética - li a sinopse e achei que faltava alguma coisa, mas quando comecei a lê-lo não consegui mais parar. Não há descrições enormes e hiper detalhadas de lugares, nem mesmo lugares deslumbrantes e glamorosos - há não ser Vegas - mas os diálogos são incrivelmente bem escritos, bem amarrados, sem clichês, cheios de respostas inesperadas e resultados maravilhosos e outras vezes frustrantes.

Os diálogos são a grande sacada da autora, os personagens acabam te ganhado a cada resposta e posição inusitada diante de uma situação que você acredita que já sabe qual o rumo, e de repente é pego de surpresa por uma resposta que muda tudo de lugar e te faz rir ou chorar. Esse é o ponto alto do livro e o motivo pelo qual virei a madrugada lendo as páginas finais. 


E agora, uma bela surpresa da autora Jamie McGuire, que divulgou um prólogo do livro "Walking Disaster" que é o mesmo livro só que agora do ponto de vista do Travis! Que já tem essa capa maravilhosa! O lançamento do livro está previsto para 16 de Abril de 2013. Já tá bem aí e estou curiosa para ler! Vai ser um milhão de vezes mais apaixonante, pelo menos é o que acho!

No blog "Super Bookaholic" a blogueira Nanda, fez uma tradução não-oficial do prólogo, mas que já dá pra gente sentir que o livro vai ser tão bom quanto "Belo Desastre", para ler, clique aqui!
O prólogo original - em inglês - pode ser lido aqui!

Aconselho a leitura e a se apaixonarem por um dos casais mais belamente desastrosos da literatura.








10 Comentários

  1. Oi!

    Eu li e até gostei bastante, mas não foi como todos dizem, não superou minhas expectativas, sabe? Além de eu também não ter gostado do Travis, para mim ele era um idiota louco. Não to tão ansiosa para o segundo livro.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Nunca li, mas parecer ser bem legal.
    Estou seguindo o blog, se quiser retribuir eu vou adorar.
    Beijos

    http://blog-puro-glamour.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Ja ouvi falar... parece ser bem legal mesmo beijos!

    ResponderExcluir
  4. Olá flor! Acabei de ver esse livro em outro blog aqui...estou louca para ler ele.
    Bom final de semana.
    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

    ResponderExcluir
  5. todo mundo fala bem desse livro! Juro que quando ele lançou eu estava muito ansioso para ler! e ainda estou! Gostei da série, do segundo livro onde vai mostrar a visão de outro personagem!

    Beijos, beijos e abraços. www.7hings.com.br, hey te espero lá..!

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia, mas amei a sinopse, imagine o livro aushaush! Vou procurar na biblioteca :3

    ~xoxo
    pequena-julieta.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. ahhh! Já li "Belo Desastre " e adorei s2
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Menina, você só tem treze anos e leu esse livro?! =O

    Estou lendo Belo Desastre pela terceira vez. Ele é ótimo mesmo! Você não achou nada clichê? Bem, só o fato de o maior bad boy da faculdade se apaixonar pela mocinha sem graça, né? Que, aliás, depois se descobre linda e arrasadora de corações. Hehe! Olha os clichês aí. =) Gostei muito da sua resenha, flor. Mas leia livros menos pesados, ou mais leves. Sei que não parece agora, mas Belo Desastre é um New Adult, leitura para maiores de dezoito - ou pelo menos de dezesseis. Não deixa a tua mãe ler meu comentário, ou ela vai pirar com você. Talvez não, né? =P

    Seu blog é fofo! ><

    Beijos,

    Isie Fernandes - de Dai para Isie

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi flor! Relaxe, não fui eu que li foi a Quésia Mello a outra resenhista do blog e ela tem idade pra ler :)

      Excluir
    2. Olá Isie Fernandes, foi eu quem li o livro! E já sou de maior, tá tudo bem! Que bom que gostou da resenha,beijos!

      Excluir